ATENDIMENTOS X PANDEMIA

Hoje nas mais diversas profissões vemos um novo

temor, e agora com a COVID19 como vou proceder

com meus atendimentos aos clientes?

Claro todos esses cuidados que falaremos são

dicas, o que você puder fazer melhor faça,

pois nada impede que o vírus atravesse as

barreiras de proteção básicas, até por que um

dia teremos que voltar ao trabalho, e como, isso

será um fator de suma importância para não nos

infectarmos e vice versa...


Quando atendermos alguém sintomático ou infectado com corona vírus, ou melhor falando COVID19, muitas vezes nem saberemos, então devemos atentar para algumas situações super importantes... 

Ao fazer uma massagem por exemplo se você usar de seus conhecimentos básicos de biossegurança aprendidas, EPI's, consideramos importante que até seu paciente use máscaras, assim com você. 

E uma sugestão que quando notamos que alguém esta com leve resfriado, ou já é considerado sintomático, evite realizar a sessão nesses casos, mas claro muitas vezes nem sabemos, então devemos ter o máximo de cuidados possíveis. 

Considere para você profissional o uso do avental como obrigatório, sei que é desconfortante mas um jaleco ou avental descartável quem sabe seria bem interessante ou o leve para lavanderia o mais rapido possivel assim que usar.. 

Cuide para o uso correto das luvas, cuidados para não colocar e tocar em outros lugares com as mãos, tudo que você tocar com a luva e no seu cliente deve ser considerado infectado mesmo que não esteje, sendo assim terá mais certeza e tranquilidade para passar até a seu cliente. 

Para resumo de informações não temos uma regra certa, porem sabemos que quando atendermos uma pessoa, o uso de alcool 70% em tudo o que tocamos, ou pensamos ter tocado, não importa onde... 

A temperatura pode ser um método interessante de verificar do seu cliente caso haja necessidade, assim pode saber se esta febril, e talvez possa evitar a sessão. 

Explique sempre que você é orientada a cuidar do seu cliente com todos esses cuidados, e que nada será para descaso dele, que tudo que você faz é para o bem estar dele e segurança da infecção e que o atendimento que receberá será da mesma forma como sempre. 

Seja sempre sutíl, nunca obrigue explique, oriente... e nunca, nunca critique, mas sempre ensine a melhor forma de fazer as proteções e higienizações, principalmente para clientes com mais idade, onde não são muito aceitáveis ordens, as vezes um pedido vale mais do que uma ordem ou obrigação.


 

Gaya na rede

© 2020 por GILBERTO ZITKOSKI ESTÉTICA ME | Direitos Autoriais Reservados

  • Página Facebook